Rastreie
sua carga
Clique para rastrear sua carga

Saiba como definir boas metas em logística!

383 Visualizações

Saiba como definir boas metas em logística!

Saiba como definir boas metas em logística!

Embora os bons gestores saibam que o planejamento estratégico é fundamental para o sucesso de todos os processos em logística, essa etapa inicial não é tarefa simples.

É importante prever as situações que podem colocar em risco o fluxo das tarefas para garantir agilidade na resolução de problemas. E tudo isso começa com a assertividade na escolha dos objetivos a serem alcançados.

Por isso, no artigo de hoje, apresentamos 7 dicas essenciais para ensinar aos gestores como definir metas em logística que garantam ótimos resultados. Confira!

1. Estabeleça objetivos realistas

A primeira dica pode parecer óbvia, mas muitas vezes é esquecida pelos gestores. Para cada objetivo estabelecido em logística é preciso haver condições reais de sucesso. Caso contrário, o que deveria ser um mecanismo de motivação e orientação da equipe de colaboradores passa a atuar como um fator que desencoraja o comprometimento.

Para isso, é preciso conhecer as potencialidades dos funcionários, com atenção para demandas de treinamento, e avaliar todos os processos relativos à logística tanto no ambiente interno quanto no ambiente externo.

Assim, a definição de metas em logística começa bem antes, no processo de elaboração do plano estratégico da empresa, com definição de oportunidades e desafios para todas as áreas da empresa.

2. Valorize o planejamento estratégico

O planejamento estratégico precisa ser feito de maneira colaborativa e integrada, envolvendo todas as rotinas administrativas e operacionais.

É possível tanto utilizar as ferramentas de análise já conhecidas quanto investir na elaboração de um instrumento personalizado, que considere cada detalhe do negócio, sempre com atenção especial para as necessidades em logística.

Ao conhecer bem as realidades micro e macro é possível traçar metas atingíveis, que estejam realmente alinhadas com as demandas do negócio e com as habilidades e capacidades de toda a equipe de funcionários.

Uma etapa muito importante do planejamento estratégico diz respeito à definição dos indicadores de resultados, capazes de acompanhar a evolução da equipe e a execução das tarefas de maneira eficaz, apontando as correções necessárias.

3. Defina indicadores de desempenho simples

Além de saber como definir metas realistas e bem planejadas, é preciso estabelecer bons indicadores de desempenho para mensurar os resultados alcançados e para identificar e corrigir os possíveis erros nos processos.

É necessário estabelecer parâmetros simples, que sejam facilmente identificados por todos os gestores e colaboradores envolvidos nas ações de logística, tais como “performance de entrega”, “prazos excedidos” e “índice de reclamações dos destinatários”

Perguntas sobre as lacunas e os pontos de melhoria também são importantes, sobretudo para que o processo de avaliação de desempenho possa ser feito de maneira colaborativa.

O acompanhamento e análise dos resultados pode ser beneficiado por diversas soluções em tecnologia disponíveis no mercado.

 4. Invista na automatização dos processos

A automatização da gestão empresarial é cada vez mais definitiva, inclusive em logística. A todo momento, surgem dispositivos capazes de acompanhar as rápidas mudanças do mercado.

O setor especializado em logística disponibiliza uma infinidade de softwares e programas de gestão elaborados especificamente para solucionar os problemas relativos a transporte de cargas, estoque e entrega de insumos para produção dos mais diversos tipos de negócio.

Uma vantagem da automatização em logística é a possibilidade de acompanhar a execução dos processos de maneira remota, trazendo mais rapidez e segurança para a solução de problemas.

Conhecendo a fundo as demandas da sua empresa e as potencialidades que as ferramentas digitais oferecem, é possível compreender como definir metas em logística de maneira mais assertiva.

A inovação e o investimento em tecnologia podem promover melhorias também no relacionamento com os fornecedores e clientes, o que é extremamente necessário o sucesso de todos os processos de logística.

5. Cultive um relacionamento transparente com os fornecedores

Acompanhando a tendência da digitalização dos processos, a comunicação organizacional passou por mudanças que permitem às empresas estabelecer diálogos mais próximos com os fornecedores e os demais públicos estratégicos.

Para que as demandas em logística sejam atendidas plenamente, é preciso construir uma relação de confiança com os fornecedores.

A partir de então, é possível aos gestores fazer intervenções que possam corrigir desvios de maneira mais rápida, otimizando os resultados.

No entanto, os fornecedores contratados precisam estar em sintonia com os objetivos estratégicos do negócio.

Assim, todo o comprometimento com a qualidade e a eficiência praticado pelos gestores e funcionários internamente terá continuidade no ambiente externo à empresa.

Esse relacionamento transparente entre empresa e fornecedores pode oferecer diversas vantagens, tais como redução de custos, melhoria da qualidade dos produtos e serviços, compartilhamento de conhecimento e aumento da produtividade, entre outros benefícios alinhados à sustentabilidade.

6. Garanta práticas sustentáveis

No mercado atual, cada vez mais competitivo, a definição de metas em logística não pode ignorar a importância da sustentabilidade.

É preciso ter atenção com o descarte adequado de resíduos, com o reaproveitamento da água e com a instalação de equipamentos capazes de gerar menor consumo de energia elétrica, dentre outras práticas sustentáveis aplicáveis a todas as etapas dos processos de logística

Esse cuidado é importante para garantir não apenas a economia de recursos ou a preservação do meio ambiente, mas também para satisfazer as exigências de consumidores bastante preocupados com a responsabilidade social das empresas.

7. Divida responsabilidades com clareza

Para que todos os colaboradores possam se comprometer com o sucesso das tarefas é necessário definir as responsabilidades com clareza, demonstrando o quanto o trabalho em equipe é importante em todas as etapas.

Nesse sentido, o diálogo para alinhar expectativas é fundamental para que cada pessoa possa desempenhar suas tarefas com motivação, seja ela um funcionário da empresa ou um fornecedor externo.

Vale a pena estabelecer reuniões periódicas de análise de resultados e compartilhamento de ideias, sempre no intuito de tornar os processos mais eficazes e rentáveis.

Viu só como definir metas em logística pode ser bem mais simples do que você imaginava? Se você gostou do nosso artigo, compartilhe com seus contatos nas redes sociais e ajude outros gestores a encontrarem soluções simples para os problemas do dia a dia organizacional.

Deixe um comentário

Open chat