Rastreie
sua carga
Icone informativo

Para viabilizar o acesso ao rastreio de sua carga, os seus dados pessoais e outros como CPF/CNPJ serão utilizados, bem como o número do pedido, da nota fiscal ou tracking number.

Após a sua disponibilização pelo usuário, titular do dado pessoal, a Patrus Transportes os utilizará unicamente para realizar a busca solicitada, indicando a localização da carga. Todo tratamento dos seus dados pessoais pela Patrus Transportes é realizada em conformidade e respaldo à Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD). Para maiores informações, acesse a nossa política de privacidade e política de segurança da informação, neste link.

Clique para rastrear sua carga

20 indicadores de desempenho logístico que todo gestor deveria usar

168 Visualizações

20 indicadores de desempenho logístico que todo gestor deveria usar

20 indicadores de desempenho logístico que todo gestor deveria usar

Em uma escala de 0 a 10, como você avaliaria o desempenho logístico da sua transportadora

Quem trabalha com envio e entrega de mercadorias sabe bem que todo detalhe conta ao longo de cada etapa logística. Além disso, entende que serviço de entrega mal prestado gera transtorno e insatisfação do cliente, além de prejuízos para o negócio. 

Pensando nisso, explicamos nesse texto três informações importantes que todo gestor precisa saber:

  • O que são os KPIs na logística;
  • A importância do uso dos indicadores; 
  • 20 indicadores de desempenho. 

Aproveite!

Você sabe o que são os KPIs na logística?

Os KPIs, ou Key Performance Indicators, são métricas específicas usadas para medir e avaliar o desempenho das operações logísticas de uma empresa. 

São usados geralmente com base nos objetivos estratégicos e ajudam a monitorar o progresso em direção a esses objetivos. 

É importante saber que os KPIs funcionam como base ou extensão dos indicadores de desempenho. 

Se no indicador que avalia o índice de cumprimento de prazos, você reúne informações sobre as entregas, um determinado KPI vai apresentar os resultados de uma ação que foi tomada de acordo com as informações mostradas pelo indicador.

A importância do uso de indicadores dentro do desempenho logístico

Descubra agora cinco etapas do processo logístico em que o uso de indicadores pode ajudar o seu negócio. 

Avaliação Objetiva

Os indicadores fornecem uma base objetiva para avaliar o desempenho da logística da sua  empresa. O que permite uma análise precisa e comparativa ao longo do tempo.

Identificação de Problemas

Ao se orientar por indicadores, o seu negócio identifica áreas de ineficiência ou problemas dentro da cadeia de distribuição. Ao fazer isso, a sua empresa pode tomar medidas corretivas de forma pró-ativa.

Otimização de Processos

Ao monitorar métricas específicas, sua empresa identifica oportunidades de otimização nos processos logísticos, melhorando a eficiência operacional. Resultado: redução de custos.

Tomada de Decisão Informada

Com os indicadores, a sua empresa tem dados concretos que embasam a tomada de decisões estratégicas, o que permite que o seu negócio priorize investimentos, ajuste estratégias ou faça mudanças operacionais com base em evidências sólidas. 

Melhoria Contínua

A análise constante dos indicadores de desempenho logístico promove uma cultura de melhoria contínua, em que a sua empresa busca constantemente maneiras de aprimorar os seus processos e serviços.

Como avaliar a transportadora que atende o seu negócio.

Principais indicadores de desempenho logístico

1 – Índice de Cumprimento de Prazos (ICP): mede a capacidade da transportadora de entregar dentro do prazo acordado.

2 – Taxa de Avarias e Extravios: indica a porcentagem de mercadorias danificadas ou perdidas durante o transporte.

3 – Tempo Médio de Entrega: avalia quanto tempo a transportadora leva para entregar os produtos aos clientes.

4 – Índice de Devoluções: mostra a proporção de produtos devolvidos em relação ao total entregue.

5 – Disponibilidade de Rastreamento: importante para acompanhar a localização das cargas em tempo real.

6 – Capacidade de Armazenagem: avalia a capacidade de armazenamento da transportadora, crucial para o gerenciamento de estoque.

7 – Taxa de Entregas no Prazo: mede a porcentagem de entregas feitas dentro do prazo estabelecido.

8 – Nível de Inventário: indica o nível de estoque mantido pela transportadora, afetando a disponibilidade de produtos.

9 – Frequência de Atualização de Status: avalia com que frequência a transportadora atualiza informações sobre o status das entregas.

10 – Índice de Satisfação do Cliente: mede a satisfação dos clientes com os serviços prestados pela transportadora.

11 – Nível de Segurança: avalia as medidas de segurança adotadas pela transportadora para proteger as mercadorias durante o transporte.

12 – Taxa de Rotatividade de Motoristas: indica a frequência com que os motoristas deixam a empresa, afetando a consistência dos serviços.

13 – Eficiência de Frota: mede o desempenho da frota em termos de consumo de combustível e manutenção.

14 – Taxa de Ocorrências de Roubo: avalia a incidência de roubos de carga durante o transporte.

15 – Nível de Emissões de Carbono: Indica o impacto ambiental das operações da transportadora.

16 – Taxa de Atendimento a Reclamações: mede a eficácia da transportadora em lidar com reclamações dos clientes.

17 – Tempo de Resposta a Solicitações: Avalia o tempo que a transportadora leva para responder às solicitações dos clientes.

18 – Índice de Manutenção da Frota: Indica a qualidade da manutenção dos veículos da transportadora.

19 – Taxa de Retorno de Investimento (ROI): mede o retorno financeiro obtido ao contratar os serviços da transportadora.

20 – Conformidade Regulatória: Avalia se a transportadora cumpre todas as regulamentações e normas do setor.

O uso de indicadores, além dos KPIs, dentro do desempenho logístico é essencial para garantir a eficiência, a competitividade e a satisfação do seu cliente. 

Além disso, os indicadores de desempenho logístico ajudam o seu negócio a entender o processo atual entre a sua empresa e quem faz o transporte dos seus produtos, ou a tomar melhores decisões na hora de fechar parcerias com outras transportadoras. 

Por falar em outras transportadoras, conheça a estrutura da Patrus Transportes e saiba por que ela pode oferecer mais inovação e maior controle dos processos logísticos.