Rastreie
sua carga
Clique para rastrear sua carga

Monitoramento de cargas: o peso da tecnologia para ter sucesso!

344 Visualizações

Monitoramento de cargas: o peso da tecnologia para ter sucesso!

Monitoramento de cargas: o peso da tecnologia para ter sucesso!

O controle sobre os processos logísticos faz com que os gestores compreendam melhor suas operações, identifiquem as falhas com maior precisão e consigam elaborar planos de ação mais eficazes. Nesse sentido, o monitoramento de cargas aparece como uma ótima alternativa.

No artigo de hoje vamos falar mais sobre esse processo, explicando sua importância e quais são as tecnologias e tendências voltadas para ele. Continue com a leitura para saber mais!

Por que o monitoramento de cargas é tão importante?

O monitoramento de cargas consiste no acompanhamento dos pedidos de entrega, do momento em que saem da empresa até a chegada ao seu destino final. Além de fornecer informações a respeito do status dos envios, sua importância também é definida pelos seguintes aspectos:

Avaliar se a rota está sendo cumprida

O planejamento de rotas é feito com o objetivo de otimizar os gastos de transporte, além de aumentar a eficiência nas entregas — deixando, dessa forma, os clientes mais satisfeitos — selecionando um percurso que apresente menos riscos, restrições e trânsito.

Por meio do monitoramento de cargas, recebe-se informações em tempo real, que podem ajudar o gestor a identificar ocorrências geradoras de atrasos, além de criar soluções mais ágeis para esses problemas.

Aumentar a segurança das cargas

Com o monitoramento, obtém-se dados sobre o transporte em tempo real, tornando possível identificar a localização exata dos veículos. Apesar de não ser uma medida ativa de segurança, que pode inibir a ação de bandidos, essas informações podem ajudar nas investigações.

Tornar o processo mais transparente para os clientes

Quando se acompanha o transporte com informações atualizadas, pode-se aproveitá-las para manter os clientes bem informados a respeito dos seus pedidos.

Com isso, o processo se torna mais transparente e confiável, além de que, mesmo que haja algum atraso, as expectativas podem ser ajustadas — informando um novo prazo de entrega — diminuindo, assim, a insatisfação com a demora no envio.

Quais são os principais tipos de tecnologia voltados para essa área?

Existem diversos recursos tecnológicos que podem ser usados para o monitoramento de cargas, sendo alguns com características semelhantes, mas com prós e contras variados. Conheça:

GPS

O monitoramento via GPS permite identificar a localização exata do veículo, por meio do dispositivo que é instalado no caminhão, por exemplo. Tudo é feito por sinais de satélites, que viajam em torno da Terra e emitem sinais contendo todas as coordenadas geográficas.

Com esse sistema de geolocalização, o posicionamento apresenta uma precisão altíssima.

GSM/GPRS

Essa é uma opção bastante válida para veículos que realizam viagens longas, além de ser muito utilizada por empresas especializadas em rastreamento veicular. O principal motivo disso é a abrangência em diversas regiões, já que ela se aproveita da área de cobertura das operadoras de telefonia móvel.

O único problema disso é a limitação de algumas áreas, que são os chamados “pontos cegos”, onde não há cobertura desses sinais.

RFID

O RFID é um rastreador que utiliza a tecnologia de radiofrequência e é mais indicado para veículos que cumprem rotas em áreas mais regionais. A principal vantagem é que ele não sofre com interferências de sinal e as chances de interrupções são mínimas.

A recepção dos sinais é feita por meio de triangulação das antenas e o principal diferencial dessa tecnologia é a possibilidade de localizar a frota mesmo em ambientes cobertos e fechados.

É considerado o sistema mais avançado de monitoramento e possui um desempenho superior ao GPS, em áreas urbanas.

Câmeras

As câmeras são usadas para monitorar as atividades do motorista e a abertura do baú, por exemplo. Apesar de não ser um recurso voltado para o rastreamento, é uma excelente forma de realizar o monitoramento das cargas no que diz respeito ao controle de fraude e integridade dos produtos.

Em alguns casos, a implantação desses dispositivos nos veículos inclui a utilização de GPS — ou seja, além de receber as imagens do veículo, ajuda a monitorar a localização.

Mobile

Com o avanço da tecnologia, está cada vez mais fácil obter informações em tempo real, e isso tem mudado o comportamento dos clientes. Quanto mais tempo se passa sem que os dados sejam atualizados, mais a confiança diminui, dando brecha para a insatisfação.

Nesse sentido, a mobilidade pode se tornar uma excelente aliada, já que, por meio de smartphones e tablets, é possível monitorar cada passo do motorista, além da possibilidade de enviar fotos e informações para o sistema da empresa, e até mesmo coletar a assinatura do recebedor.

A escolha de qual tecnologia usar depende de cada empresa, dos seus objetivos e dos investimentos disponíveis para modernizar suas operações.

Quais tendências podemos esperar?

Com esse ritmo de desenvolvimento da tecnologia, pode-se esperar o desenvolvimento de novas soluções, que visam ser mais eficazes e proporcionar mais melhorias para o monitoramento de cargas. Dentre as opções que podem surgir futuramente, temos:

Drones

Os drones são dispositivos tecnológicos capazes de voar e são manobrados por meio de um controle remoto. Atualmente, são muito usados em produções audiovisuais — auxiliando em fotos, vídeos e filmes.

No que diz respeito às melhorias na segurança e transporte de produtos, o objetivo deles será de dar suporte às equipes responsáveis pelo processo de carga e descarga. Além disso, poderão acompanhar os veículos durante o percurso realizado, ajudando no monitoramento do local e enviando informações ao motorista.

Tudo isso, desde o momento do embarque até a entrega no destino final, feito por meio de filmagens aéreas.

Smart truck

A ideia do smart truck, como o nome sugere, é tornar os caminhões inteligentes. Nesse sentido, o objetivo é instalar uma tecnologia nos veículos que ajudará na rastreabilidade de determinada carga, do momento em que ela é carregada até o seu destino. 

Além do auxílio no monitoramento, essa solução também pode ajudar no controle da frota, já que gera relatórios referentes à emissão de poluentes.

Como você pode ver, existem diversas alternativas para aprimorar o monitoramento de cargas, que podem auxiliar a otimizar a sua gestão. Além disso, existem algumas tendências que prometem chegar com inovações e transformar ainda mais esse processo, tornando-o mais confiável.

Gostou deste artigo? Então, aproveite para baixar o guia “Checklist: saiba como avaliar a sua transportadora!”, agora mesmo!

Deixe um comentário

Open chat