Rastreie
sua carga
Clique para rastrear sua carga

O papel da tecnologia na otimização da gestão de estoque empresarial

306 Visualizações

O papel da tecnologia na otimização da gestão de estoque empresarial

O papel da tecnologia na otimização da gestão de estoque empresarial

Não é de hoje que a tecnologia vem se mostrando uma das maiores fontes de otimização dentro das empresas. Setores que, antes, eram repletos de processos manuais, burocráticos e lentos, agora dão lugar a processos automatizados, muito mais alinhados às demandas do atual mercado.

Exemplo disso é a presença da tecnologia na gestão de estoque das empresas, que torna os fluxos de compra, venda, armazenamento e logística muito mais ágeis e eficientes, otimizando, assim, toda a rotina.

Em razão dos inúmeros benefícios que a tecnologia promove na gestão de estoque, como veremos, investir nesse setor é medida de ordem para as organizações que necessitam melhorar suas operações e aumentar a lucratividade.

Por isso, para tornar as coisas mais simples e claras, no post de hoje vamos explorar um pouco sobre o papel da tecnologia na otimização da gestão de estoque empresarial, a fim de que entenda a sua importância para os negócios. Então, vamos juntos?

A importância da gestão de estoque

O estoque é, notadamente, uma das áreas mais importantes dentro da empresa e ainda representa um dos investimentos mais elevados dentro do capital de giro do negócio. Por isso, ao realizar compras para suprir as suas demandas, a empresa deve analisar de forma precisa as reais necessidades do negócio, de forma a manter os estoques trabalhando dentro dos padrões mínimos e máximos, garantindo a fluidez.

No entanto, essa não é uma tarefa tão simples, especialmente quando os recursos tecnológicos adequados não são empregados para o gerenciamento dos níveis de estoque. A ausência desse controle dificulta significativamente as operações de compra e venda de mercadorias, de forma que pode ser gasto mais do que o necessário na reposição de mercadorias, por exemplo, comprometendo o capital de giro da empresa.

Nesse contexto, a gestão de estoque é o que permite que tudo se mantenha sob controle e nos parâmetros planejados pela empresa. Desse modo, problemas como a indisponibilidade de produtos, atrasos nas entregas e insatisfação do cliente se tornam mais raros, pois a empresa consegue controlar o fornecimento do produto, desde a fase de disponibilização (como em uma loja online, por exemplo), passando por sua separação no armazém, até a etapa de entrega.

A tecnologia como aliada da gestão de estoque

Como vimos, o controle de estoque tem uma parcela significativa no sucesso da empresa, pois está diretamente ligado à satisfação do cliente. Mas para que a gestão de estoque consiga alcançar esse valor, soluções tecnológicas são indispensáveis.

A tecnologia pode ser útil em diversas frentes dentro do controle de estoque, como em transações comerciais, execução de processos e também na parte administrativa. Vejamos:

Transações comerciais

Soluções tecnológicas para as transações comerciais funcionam na operacionalização dos processos de compra e venda. O e-commerce, por exemplo, tem grande apoio da tecnologia em suas transações, pois consegue integrar a loja virtual ao seu setor de estoque, disponibilizando informações reais e atuais sobre a disponibilidade do produto, o que agiliza o processo de venda

Processos

Nesse quesito, as soluções tecnológicas atuam de forma a promover uma maior integração entre os processos. No contexto da gestão de estoque o fator integração é de grande relevância, pois permite muito mais agilidade na comunicação entre setores diferentes e, até mesmo a parceiros e fornecedores externos.

Isso, de certa forma, viabiliza uma organização mais eficiente da disponibilidade e necessidade de produtos, de modo que a empresa pode rapidamente contatar seus fornecedores para repor o estoque.

Gestão administrativa

Aqui o ponto-chave é toda a operacionalização da empresa, isto é, a gestão de estoques, de vendas, contratos etc. Tudo isso deve ser gerenciado de forma a se obter informações reais e precisas sobre essas atividades.

Dessa forma, se todos esses pilares da corporação estiverem informatizados e organizados por meio de softwares próprios, por exemplo, os riscos de haver perda de dados e informações, ou qualquer outra falha, diminui drasticamente.

O que queremos dizer, em resumo, é que a tecnologia também está presente na otimização das rotinas administrativas da empresa e, mais do que isso, serve de base para a integração entre os setores, especialmente o de estoque.

O controle de estoques só tem a ganhar com a tecnologia, pois a partir do emprego de uma rotina automatizada, interligada, os resultados são melhores. Além disso, facilita a vida do gestor, que não precisa perder tempo analisando ponto a ponto, bastando recorrer aos softwares para obter informações.

Benefícios da tecnologia na gestão de estoques

Dito tudo isso, é importante mencionar, em linhas práticas, quais as reais vantagens trazidas pela tecnologia quando o assunto é o gerenciamento de estoques. Desde logo, já podemos afirmar que são muitas, a exemplo:

Redução de erros

A redução do número de processos manuais e burocráticos impacta diretamente a qualidade e eficiência da gestão. Assim, erros provocados pelo preenchimento incorreto de planilhas, por exemplo, ou por funcionários cansados em razão do trabalho repetitivo, estão bem menos suscetíveis de ocorrerem.

Aumento de produtividade

Falar em tecnologia na gestão de estoques é falar também em agilidade e eficiência. O emprego de recursos modernos e automatizados dentro das empresas poupa um tempo significativo, fazendo que a produtividade do setor possa crescer.

Por exemplo — novamente citamos as lojas online —, o consumidor, ao ter interesse sobre um produto, pode procurar a loja e rapidamente ter informações como o preço, disponibilidade em estoque e o prazo estimado de entrega. Dados esses que podem ser determinantes na hora de melhorar as vendas e que só são possíveis graças a uma gestão de estoques integrada.

Melhor aproveitamento de recursos

Outro benefício trazido pela tecnologia no controle de estoques é o melhor aproveitamento de recursos. Aqui, não nos referimos apenas a recursos físicos e materiais, mas também recursos humanos.

A gestão otimizada por meio de soluções tecnológicas encurta alguns processos e automatiza outros. Dessa forma, pessoas podem ser realocadas para outros setores, nos quais podem ser mais bem aproveitadas e serem mais produtivas. Além disso, há também um melhor aproveitamento de recursos financeiros, pois ao utilizar softwares, por exemplo, é possível identificar quais os produtos têm maior necessidade de reposição e investir mais neles.

Por fim, como vimos, uma gestão de estoque impecável e que gera uma vantagem competitiva para a empresa, depende muito da tecnologia. Por isso, é fundamental que gestores, gerentes e líderes entendam essa necessidade e invistam em melhorias nesse sentido.

Gostou do post? Quer se informar mais sobre esse e outros assuntos relacionados? Então siga as nossas páginas nas redes sociais! Estamos presentes no YouTube e no Facebook. Te esperamos lá!

Deixe um comentário

Open chat